20 de julho de 2018

DES ENCONTRO


Hoje, me despeço de mim!

- Mas como assim?
- Você vai embora?

Sim. Vou embora de mim!
Vou embora do que eu era,
Do que já não sou mais.
Vou embora da cabeça que era minha,
Das pernas que me levavam,
Do caminho que eu andava.

- Mas pra onde você vai?

Já disse. Vou embora de mim!
Vou onde meus pés me levarem.

- Mas até hoje eles te traziam aqui.
- E agora?

Agora não sei. Vou ver,
Mas vou embora de mim.

- Vai sair feito um louco?
- Sem saber onde vai?

Meus olhos são bons.
Eles vão encontrar a direção.
Devo confiar mais neles.
Talvez eles enxerguem
Algo que eu ainda não veja.

- E você vai segui-los assim?
- Cegamente?

Claro,
Não te disse que vou embora de mim?

- E o que você vai encontrar quando for?

O que vou encontrar, eu não sei
Mas sei quem...

Vou encontrar comigo.

Mas hoje...

Hoje eu vou embora de mim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário